Cozinha Virtual: quais são as oportunidades e desafios das dark kitchen

Participamos de uma live da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de São Paulo sobre os desafios e oportunidades das dark kitchens. O papo completo está disponível no Facebook da Secretaria. A conversa foi apresentada por Lúcia Verginelli, líder da Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional, e Guta Chaves, coordenadora do Observatório da Gastronomia. Participaram também, Fabio Zukerman, da Green Kitchen, e Alexandre Torres, da Casa da Pizza Estufada.

Com a pandemia da Covid-19, o setor gastronômico precisou adaptar-se e criar novas formas de estar próximo dos consumidores, que já não tinham mais tanta facilidade de deslocamento. Para isso, foram criadas cozinhas em outras áreas, desvinculadas da cozinha principal do restaurante, mas com o mesmo compromisso de qualidade e padrão da matriz. O foco, nestes casos, é exclusivamente o delivery. Embora seja uma tendência do momento, o formato não foi criado durante a pandemia. Para contar sobre seus próprios desafios e oportunidades que surgiram a partir deste novo modelo.

Assista à conversa completa aqui:

Live “Cozinha Virtual: oportunidades e desafios das dark kitchen”, da série “Empreendedorismo Gastronômico”

Siga o StudioIno no Facebook e no Instagram.

Acompanhe o StudioIno no Pinterest.

Saiba mais sobre o trabalho de design do StudioIno.

Saiba mais sobre o trabalho de arquitetura do StudioIno.

Comente

Quer participar da discussão?
Deixe o seu comentário!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.